Açoreana Seguros

Personalização é o fator chave na fidelização dos clientes

Personalização é o fator chave na fidelização dos clientes

 

Os consumidores estão à espera que as empresas conheçam a sua realidade e contexto. A massificação das mensagens leva a que a oferta não seja adequada à procura", avisa o diretor-geral da Accenture, Pedro Lopes, orador da 1ª Conferência promovida pela Tranquilidade/ Açoreana em parceria com o Expresso, no dia 8 de março, sob o tema ‘Novas Tendências e o Impacto nos Seguros'. É por isso que o setor segurador, como muitos outros, deverá caminhar no sentido de uma crescente personalização dos serviços, construindo soluções à medida de cada cliente.

Cabe, por isso, às seguradoras acompanhar os clientes e ter a capacidade de responder às novas tendências do setor que passam por:

Mudança de paradigma "Resolução vs Prevenção": Transformação do papel e da oferta das seguradoras para um modelo de negócio baseado mais na prevenção e menos na compensação de danos.
Personalização da Oferta: O foco estará na experiência do cliente e na personalização da oferta adaptada ao contexto e realidade de cada pessoa.
Digitalização: A digitalização crescente dos canais de distribuição, com uma transformação do papel dos agentes para uma lógica de consultoria e orquestração de produtos e serviços.
Parcerias com o Ecossistema: Estabelecimento de parcerias com outros setores, no sentido de endereçar novos elos da cadeia de valor do cliente.

 

Esta foi a primeira de um ciclo de quatro conferências a realizar durante este ano, sobre "Seguros: Os Novos Desafios", e contou com a presença, para além de Pedro Lopes (Accenture), de Paula Panarra (Diretora-Geral da Microsoft), Alex Gaschard (Fundador da CarAmigo) Francesco Franco (Professor da Nova-SBE) e Pedro Carvalho, Administrador da Tranquilidade/Açoreana, num debate moderado por Ricardo Costa, Diretor do Expresso.

As restantes Conferências estão agendadas para junho, outubro e novembro.

Veja aqui o vídeo.

Clique para listar as tarefas